RECOMENDAÇÃO Nº 035/2018 - MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL

RECOMENDAÇÃO Nº 035/2018 - MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL

O Hospital São Camilo - Cura d’Ars torna público o atendimento da RECOMENDAÇÃO Nº 035/2018 (Art. 6º, inciso XX, Lei Complementar nº 75/93), do Ministério Público Federal, dando ciência da sua adequação, visando a garantia dos direitos da mulher no trabalho de pré-parto, parto e pós-parto:

• Nosso ambiente de leitos neonatais são adaptados para a acomodação de acompanhante da parturiente, favorecendo o Parto Humanizado;
• Nossa equipe médica que atua diretamente com as parturientes desde o pré-parto até o pós-parto, tem ciência da referida RECOMENDAÇÃO, bem como da observância aos capítulos IV e V do Código
de Ética Médica (Resolução CRF nº 1931, de 17 de setembro de 2009).

Desenvolvido pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), o Hospital Israelita Albert Einstein (HIAE) e o Institute for Healthcare Improvement (IHI), com o apoio do Ministério da Saúde, o projeto Parto Adequado tem o objetivo de identificar novos modelos de atenção ao parto e nascimento, que valorizem o parto normal e reduzam o percentual de cesarianas sem indicação clínica em hospitais públicos e privados.

O Hospital São Camilo Cura d’Ars participa do projeto desde seu  início. Na Fase 1, também denominada “piloto” o projeto contou com a adesão de 35 hospitais. Ao longo de 18 meses, foram alcançados resultados transformacionais, protagonizaram a criação de um novo modelo de assistência materno-infantil para o Brasil e evitaram a realização de 10 mil cesarianas sem indicação de acontecer.

Essa iniciativa visa ainda oferecer às mulheres e aos bebês o cuidado certo, na hora certa, ao longo da gestação, durante todo o trabalho de parto e pós-parto, considerando a estrutura e o preparo da equipe multiprofissional, a medicina baseada em evidências e as condições socioculturais e afetivas da gestante e da família.

<< Voltar

Parceiros